O quarto episódio da sétima temporada de Game of Thrones já está por aí. O vídeo vazado aparece em menos de uma semana depois da HBO admitir que seus servidores foram hackeados e uma grande quantidade de dados foram roubados. Já sabíamos que o roteiro – ou mais especificamente, um esboço de um roteiro – de um episódio fazia parte da invasão. Agora, parece que o episódio da série está entre os dados roubados.

• Aquela invasão à HBO envolvendo Game of Thrones é pior do que imaginávamos
• Alguém hackeou a HBO e está vazando informações de Game of Thrones

Notícias sobre o episódio vazado começaram a surgir em fóruns nesta manhã de sexta-feira, com pelo menos uma discussão no Reddit linkando uma página do Google Drive. Essa página já foi removida, citando termos de violação de serviço. No entanto, conseguimos abrir o arquivo para verificar o conteúdo. Embora esteja com marca d’água e com relativa baixa qualidade, o vídeo realmente combina com o trailer divulgado do quarto episódio da série.

O que é notório neste último vazamento, é que ele parece confirmar que os hackers realmente estão em possa de muitos dados e vídeos valiosos. Vazar um episódio inédito de Game of Thrones já é bem ruim, mas há evidências de que os hackers liberaram informações financeiras pessoais de um executivo da HBO, incluindo seus detalhes bancários e detalhes sobre seus registros médicos. Podemos assumir que a invasão contém dados de outros funcionários.

Os próprios hackers alegam terem roubado 1.5 TB de dados, o que torna essa invasão exponencialmente maior do que a invasão contra a Sony, em 2014. Pode ser que existem ainda muitos vídeos aparecendo nos cantos obscuros da internet. Se tivermos sorte, não veremos dados pessoas ou confidenciais de funcionários. Isso é bem perigoso.

Atualização: De acordo com Tatiana Siegel do Hollywood Reporter, fontes da HBO dizem que o vazamento não está relacionado com o recente ataque.

Imagem do topo: YouTube / HBO